A JSD Distrital de Lisboa divulga hoje o documento “Segurança Social: Reformar pelo Futuro”, no qual defende a necessidade urgente da reforma do sistema de pensões. 

Neste documento, coordenado por Rodrigo Camacho (Coordenador do Gabinete de Economia da JSD Distrital de Lisboa), defendemos ser necessária a reforma através sistema previdencial misto, que promova um modelo de financiamento mais diversificado, garantindo a sustentabilidade futura do sistema, iniciando-se a reforma pelas novas gerações que entram no mercado de trabalho. Ao longo do documento, é detalhado o racional e os argumentos que nos levam a defender esta reforma política.

Com base na análise detalhada no documento apresentamos uma série de propostas, diversificadas na sua natureza, mas que confluem para um objetivo único: tornar o sistema de Segurança Social mais sustentável no longo-prazo, devolvendo justiça, previsibilidade e durabilidade ao mesmo: Soluções complementares de reforma; financiamento diversificado; reforma flexibilizada; fomento da transparência; mais participação formal; incentivar a natalidade e criação de tetos nas pensões. 

A JSD Distrital de Lisboa acredita, e encontramos conforto desta posição em exemplos empíricos, que a reforma é necessária e urgente. Pelo nosso futuro. Pelo futuro de um país coeso e justo socialmente. Pelo futuro de Portugal.

Podes ler o documento com a análise e propostas aqui.