As pessoas esqueceram a verdade” – disse a raposa. “Mas tu não a deves esquecer. Tu tornas-te eternamente responsável por aquilo que cativas.” (in “O Principezinho”)

O Governo do Partido Socialista não se poderá esquecer que será eternamente responsável pela degradação do Sistema Nacional de Saúde. Se o Sistema Nacional de Saúde não é em si uma prioridade para o Governo Socialista, parece que a Pediatria – área da Medicina que cuida daquele que é maior investimento potencial para o presente e o futuro, as crianças – é mesmo o parente pobre.

Em 2012 foi anunciado a “Maria Raposa” – o espaço que seria o novo ambulatório da Pediatria do Hospital de Santa Maria. No entanto, este anúncio nunca chegou a “sair do papel”. Nunca se concretizou. 

Em 2012, a Associação para as Crianças de Santa Maria estava disponível para avançar com 75% do financiamento do projeto, tendo chegado a acordo com a administração do Centro Hospitalar de Lisboa Norte, no sentido de avançar com a obra. 

Chegou a ser equacionada uma mudança temporária do Hospital de Santa Maria para o Hospital Pulido Valente que nunca aconteceu, continuando o ambulatório a funcionar em contentores, longe das condições dignas que o exercício da Medicina e as pessoas exigem. 

Adalberto Campos Fernandes, anterior Ministro da Saúde do atual Governo, ao ser confrontado com a situação prometeu publicamente, até ao próximo Dia da Criança – 1 de junho de 2019 – uma solução para a Pediatria do Hospital Santa Maria. 

Porém, a atual Ministra da Saúde, Marta Temido, afirma desconhecer este projeto: “O Ministério da Saúde desconhece o referido projeto para o centro pediátrico do Hospital de Santa Maria”, não tendo sido “submetido qualquer projeto à apreciação das tutelas da Saúde e das Finanças, nem das restantes entidades do Ministério da Saúde que estejam envolvidas na apreciação destes processos: Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) e Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS)”.

Falha de comunicação? Não continuidade dos projetos devido a mudança de equipa no Ministério da Saúde? Mais um investimento adiado na área da Saúde? Em que ponto ficamos? 

Coerente com o registo adotado pelo atual Governo ao longo de toda a legislatura, a saúde não merece por parte do Governo mais do que anúncios, propaganda, numa atitude leviana ou até negligente face à dimensão dos problemas e à necessidade de garantir um SNS de qualidade, sustentável e para todos.

A Distrital de Lisboa da Juventude Social Democrata defenderá sempre a dignidade das crianças e nesse sentido, vem pedir esclarecimentos sobre esta situação à Ministra da Saúde, Marta Temido.